Prorrogado para 04 de abril período da “onda roxa” em Córrego do Bom Jesus

Por Câmara Municipal

Publicado há 3 semanas - 26/03/2021

Generic placeholder image

A Prefeita de Córrego do Bom Jesus, Eliana de Fátima Alves e Silva, publicou na tarde desta sexta-feira, 26, o decreto de número 350/2021, referente a adoção obrigatória do protocolo onda roxa em biossegurança sanitário e epidemiológico, que fica prorrogado até o dia 04 de abril em todo o município.

 

O novo documento, assinado pela prefeita da cidade, proíbe as visitas sociais, eventos, encontros, reuniões de qualquer natureza seja público ou privado. O decreto ainda proíbe a venda, distribuição e o fornecimento de bebidas alcoólicas por quaisquer pessoas e estabelecimentos, inclusive os supermercados e congêneres e por qualquer meio de venda, até mesmo o delivery.

 

Quem descumprir as medidas poderá ser penalizado com multa e pode variar de R$ 500,00 a R$ 5.000,00 e ter o estabelecimento interditado, e nos casos de reincidência, poderá ter o alvará cassado.

 

A onda roxa, fase mais restrita dentro do plano "Minas Consciente" adotada em todo o estado, teve início no dia 16 de março e terminaria no dia 31. Mas o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, prorrogou a medida para o dia 4 de abril.

 

A medida, adotada pelo governo do estado, tem por objetivo de reduzir o número de infecções pela Covid-19, uma vez que já há o registro da falta de leitos de UTI e enfermarias nas unidades de saúde e hospitais, dificultando o tratamento adequado aos pacientes.

 

 

  


Categoria:
Geral